Planejando a casa própria

  • Categoria: Como Fazer?
  • 1119 Visualizações

Planejar a compra de uma casa própria exige preparo e paciência. Sair do aluguel é o sonho dourado da maioria dos brasileiros, pois o mercado imobiliário está inflando como nunca e os preços não param de subir. No entanto, é preciso traçar estratégias para não cair em armadilhas e acabar numa situação ainda pior.

Para muita gente a compra de um imóvel virou realidade por causa das facilidades proporcionadas pelos financiamentos. A Caixa Econômica, por exemplo, costuma financiar cerca de 800 mil imóveis por ano.

Se você ainda não faz parte desse grupo, mas pretende fazer, saiba que se trata de uma tarefa que exige muita dedicação e equilíbrio. É importante ter em mente que a compra de uma casa própria é um planejamento de longo prazo, durante um ano é pouco provável que alguém consiga juntar dinheiro suficiente para dar entrada em um imóvel. Por isso, o primeiro passo é economizar e traçar metas. Especialista dizem que são necessários, em média, 4 anos para que o sonho se torne realidade.

O ideal é dar pelo menos 30% a 40% do valor do imóvel como entrada, para não se comprometer com um financiamento de longo prazo e prestações exorbitantes. O recomendável é que a parcela não ultrapasse 25% da sua renda mensal. Dessa forma, é possível flexibilizar um pouco mais o orçamento para não cair no vermelho. Para quem tem dinheiro no Fundo de Garantia (FGTS), vale a pena sacar o valor integral na hora de dar a entrada.

Assuntos Similares

Comentários: