O que pode ser quando a língua dormente?

  • Categoria: Saúde
  • 11680 Visualizações

O que é o sintoma?

A presença desse sintoma pode indicar que o nervo que dá os componentes sensoriais à língua está danificado, e a perda do paladar pode ser um sintoma associado. Esse sintoma não é muito comum, não sendo muito relatado no dia-a-dia, já que ouvimos normalmente se tratando das mãos e dos pés. A língua se torna insensível e a fala do paciente pode se tornar mais lenta, ou arrastada
.
A dormência da língua, também chamada de parestesia, pode durar horas, dias e até mesmo meses, dependendo da causa do sintoma.


Quais são as doenças

O formigamento na língua, ou dormência, pode acontecer com frequência ou em períodos de longa duração, sendo um problema relatado com bastante frequência por pacientes que têm problemas com a ansiedade e com o estresse. Pode ser que se trate somente de estresse normal, mas também pode se tratar de transtorno da ansiedade e precisar de tratamento por meio de medicações e psicoterapia.

Quando começa de forma súbita e intensa, o formigamento pode ser sinal de algumas doenças cardiovasculares graves como infarto e AVC. Alguns pacientes que fazem uso de antibióticos, ou que sofrem com a síndrome de ardência bucal também podem apresentar esse sintoma comumente.


Outras doenças e causas para língua dormente

Existem ainda outras causas para o formigamento na língua, como por exemplo traumas no rosto e na boca (pancadas), ou ainda infecções e inflamações locais, e em casos ainda piores tumores.

Pode ser causada ainda por infecções da cavidade oral, como sapinho, telhas da língua, herpes bucal, entre outras, além de condições médicas como esclerose múltipla e hipotireoidismo.


Outras causas

Apesar de estar relacionada a algumas doenças a língua dormente pode estar ainda ligada a algumas coisas mais simples, como o consumo de alimentos quentes demais, ou bebidas geladas demais, que podem prejudicar de forma temporária as sensações da língua. Alguns tipos de peixe podem causar interferência na capacidade de saborear a comida, além da dormência na língua, como por exemplo baracuda e enguias fugu.

É bastante comum que o paciente de uma anestesia local na boca para procedimentos médicos também apresente esse sintoma por algum tempo, já que pode anestesiar também o nervo lingual. A remoção de dentes, procedimento de canal, entre outros, precisa da injeção de anestesia na gengiva do dente, que pode se espalhar e afetar o nervo lingual.

O problema pode ser causada ainda como efeito colaterais de medicamentos, como os antibióticos usados para tratar infecções bacterianas, entre outros.


O que fazer quando estiver com formigamentos na língua

O primeiro passo é consultar um médico clínico geral para que sejam feitos exames para identificar qual é a causa e tratar corretamente. Isso vai permitir ainda que o paciente seja encaminhado para o profissional correto para o tratamento.

Assuntos Similares

Comentários: